Aos Pais da Minha Vida

Dia dos Pais… uma data que me faz lembrar
com muita saudade de um homem que era
meio atrapalhado com as finanças, mas que era capaz
de tirar a própria roupa para dar a alguém que precisava.
Meu pai era um homem de sangue quente, que se irritava
com muita facilidade… mas também era um homem extremamente
sensível, amoroso, carinhoso, humano, preocupado e comprometido
em auxiliar os menos favorecidos… às vezes, até demais.
Em 1999, quando o Tiago, meu terceiro filho, ia nascer,
meu pai e minha mãe vieram para Brasília acompanhar o nascimento.
Foi quando descobrimos que papai estava com câncer, já com metástase
no fígado… ele permaneceu comigo por um ano para se tratar.
Esse ano foi muito especial… tínhamos algumas rusgas em
nosso relacionamento, e  esse um ano foi um presente de Deus.
Conseguimos redescobrir o nosso amor que estava muito
machucado… e nos divertimos muito durante esse período.
O vovô Saul sempre foi uma pessoa muito divertida!!!
Isso já faz 12 anos… mas a presença dele é constante em minha
vida… e sei que ele olha, lá de cima, por todos nós.
Papai era flamenguista. E, é claro, que o pai dos
meus filhos não poderia deixar de ser também!
My Love é um pai amoroso, divertido, bem humorado,
carinhoso… mas também, exigente e rígido.
Adora esportes… brinco que se estiver passando na TV
competição de “cuspe a distância” ele estará torcendo.
Profissional reconhecido na sua área, conseguiu unir
a sua profissão com o seu sonho de auxiliar os mais necessitados.
Uma de suas atividades é fiscalizar e orientar entidades,que
são financiadas por governos estrangeiros, a implantar projetos 
que proporcionem a melhoria de vida das pessoas da região
 por meio de capacitação e inclusão social.
Aos pais da minha vida todo o meu amor!
Você poderá gostar também:

2 ideias sobre “Aos Pais da Minha Vida”

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *